RSS

Arquivo de etiquetas: Cinema

Livros, arte, intelectualidade e direitos de autor

Todo o trabalho intelectual é fruto de uma criação singular, com traços de uma individualidade que merece ser reconhecida e devidamente valorizada. Apesar de anos a regular o mercado da criação, edição e venda, a legalidade ainda não venceu a batalha da pirataria. 

Hoje, a Biblioteca da Sá da Bandeira apresenta dois exemplos do humor com que autores portugueses encaram  a cópia e a ‘inspiração ocasional’ – Fernando Venâncio e Fernando Pessoa

Plagiar-PessoaPlágio

Anúncios
 

Etiquetas: , , , , , , , ,

Dia Mundial da Rádio 2018

Rádio16-00

Em 2018, o tema do Dia Mundial da Rádio é ‘A Rádio e o Desporto‘.

Ouvir rádio é ouvir a reinvenção com a  internet e as novas tecnologias.

Rádio18

Ouvir rádio, ver rádio – em casa, no trabalho, no carro; 55% dos portugueses ouvem rádio diariamente e interagem com a programação através das redes sociais. Um caminho de informação, divertimento e comunicação, que o cinema fixou em grandes filmes.

 
1 Comentário

Publicado por em 13 de Fevereiro de 2018 em Bibliotecando, Cinema, Memória, Rádio, UNESCO

 

Etiquetas: , , ,

OUTUBRO

Outubro é sinónimo de outono.

Apetece tempo abrigado, aconchego de alma e intelecto.

Apetece um bom livro  ou cinema : 

 

outubro16-1

 

 

 

 
 

Etiquetas: , , , , , ,

Namorar

Namorar é estar em flagrante amor, andar em tonta poesia.

Assim o diz a Literatura, Romance ou Cinema.

Então, a Biblioteca expôs livros e cinema, poesia com música e corações, em flagrante delito

de Dia de Namorados!

 

Etiquetas: , , , , ,

Dia Mundial da Rádio

diaradio_2017

Vivemos atualmente uma revolução na nossa maneira de obter e de partilhar informação. Contudo, apesar destas alterações profundas, a rádio nunca foi tão dinâmica, interessante e importante.

Esta é a afirmação com que Irina Bokova inicia  a mensagem da UNESCO para o Dia Mundial da Rádio.

meninaradio.jpg

Em Portugal as experiências com este novo meio começaram nos anos 20 do século passado. Em 1935 nasceu a Emissora Nacional de Radiodifusão, atual Antena 1. Um ano mais tarde começam as emissões experimentais da Rádio Renascença .

E, se em 1979, se cantava sobre o fim das estrelas da rádio, o cinema glorificava a eterna sedução das vozes – filmes que vale a pena rever:

DiasdaRádio.JPG

 

 

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 13 de Fevereiro de 2017 em Bibliotecando, Cidadania, UNESCO

 

Etiquetas: , , , ,

 
%d bloggers like this: